A website número 1 no mundo em audição e perda auditiva
Desde 1999

05 de maio de 2014

Muitos países necessitam de programa de prevenção de perda auditiva

Apenas 32 dos 76 países que participaram da pesquisa realizada mundialmente têm planos e programas de prevenção e controle de doenças e perda auditiva, segundo o estudo.

Muitos países necessitam de programa de prevenção de perda auditiva

Aproximadamente 60% dos países que responderam ao questionário da Organização Mundial da Saúde (OMS), têm  necessidade de obter cuidados preventivos relacionados à perda auditiva. Os resultados da pesquisa são, certamente,  uma alerta  de ação  para as autoridades governamentais, conforme  a Organização Mundial da Saúde (OMS) .

Falta de planejamento

Um estudo realizado pela Organização Mundial da Saúde com 76 países e regiões, mostrou que apenas 32 responderam ter investido em plano e programa de cuidados com prevenção de perda auditiva. Segundo  a pesquisa realizada, muitos países necessitam de profissionais de saúde treinados , estruturas educacionais e dados, assim como, plano nacional voltados para a necessidade  das pessoas com problema e perda auditiva.

A maior distância ocorre devido a necessidade de serviço para perda auditiva severa, encontrada na África-subsaariana .

Deficiência auditiva mundial

Segundo a estimativa da  Organização Mundial da Saúde, mais de 5% da população ou seja, mais de 360 milhões de pessoas no mundo inteiro  sofrem de perda auditiva. Embora o grupo mais importante seja de adultos , 32 milhões de crianças no  mundo inteiro sofrem com perda auditiva. As pesquisas feitas em vários países europeus e nos Estados Unidos mostram que entre 12 a 16% da população, nesses países, têm perda auditiva.

A distribuição  de pessoas com perda auditiva é desigual, o sul da Ásia é a área mais proeminente com 27% de pessoas , seguida d a  Ásia Oriental  com  22%. Essas áreas, juntamente com o sul da África- subsaariana, contém a maioria dos países sem programa de ajuda às pessoas com perda auditiva.

Chamada de alerta

Organização Mundial da Saúde chama a atenção  para infecçõe auditivas nao tratadas e vacinas para meningite, sarampo e rubéola sao responsáveis pela causa de perda auditiva. O que siginifica dizer que com investimento em vacinas e outros tratamentos, certo tipo de perda auditiva pode ser prevenido.

“Os resultados da pesquisa são, na verdade, uma alerta para  as autoridades governamentais  e parceiros sociais no sentido de investirem em programa de saúde auditiva, especialmente na sociedade o nível primário da sociedade”, afirma Dr. Etienne Krug, , Director of the WHO Department of Violence and Injury Prevention and Disability.

A pesquisa foi publicada no website da  Organização Mundial da Saúde (OMS )

Fonte: www.who.int/en/

Por favor use nossos artigos

Você será sempre bem vindo para indicar ou usar nossos artigos. A única restrição é que você forneça um link direto para o artigo específico que usar na página que nos citou/indicou.

Você não poderá, Infelizmente, usar nossas fotos, uma vez que nós não temos copyright delas, mas temos o direito de usá-las em nossa website