A website número 1 no mundo em audição e perda auditiva
Desde 1999

11 de agosto de 2015

Sarampo pode causar perda auditiva

Sarampo é uma enfermidade virótica altamente contagiosa que afeta principalmente as crianças. A enfermidade pode causar complicações sérias-incluindo perda auditiva.

Sarampo pode causar perda auditiva

Segundo o centro de enfermidade, controle e prevenção, nos Estados Unidos, Center for Disease Control and Prevention (CDC) cerca de 30% de todos os indivíduos afetados por sarampo, sofrem frequentemente de infecções auditivas e/ou de pneumonia, que é uma infecção nos pulmões que na maioria dos casos sérios pode causar morte em crianças.

CDC informa que infecções auditivas ocorrem com aproximadamente 1 a 10 casos de sarampo, e as consequências podem ser, em alguns casos, perda auditiva permanente. Os problemas auditivos acontecem porque os nervos do cérebro ficam preudicados, como resultado de encefalite, enfermidade que causa inchaço no cérebro.

Sarampo pode levar a surdez, contudo, diferentemente da rubéola, que é uma outra infecção virótica, o sarampo não causa surdez congênita.

Crianças são vulneráveis

Sarampo é transmitido através de pequenas bolhas no nariz, boca ou garganta, de pessoas infectadas. A enfermidade pode ser séria em todos os grupos de idade, mas crianças de cinco anos de idade e pessoas acima de de 20 anos são mais propensas a contrair sarampo.

 sintoma mais comum, no início, inclue uma coceira no rosto e na parte superior do pescoço, febre alta,  secreção que escorre pelo nariz e pequenas manchas brancas dentro da boca.

Vacine-se

Sarampo pode ser prevenido através de vacina. A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda fazer uma rotina de vacinação contra sarampo para todas as crianças. A vacina contra sarampo é importante para evitar doenças relacionadas com ela, inclusive, perda auditiva.

Apesar do surto de sarampo ter caído no mundo inteiro, nos últimos anos, sarampo é ainda comum em países em desenvolvimento, principalmente em partes na África e Ásia, segundo  a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Fonte:www.cdc.gov ewww.who.org

Por favor use nossos artigos

Você será sempre bem vindo para indicar ou usar nossos artigos. A única restrição é que você forneça um link direto para o artigo específico que usar na página que nos citou/indicou.

Você não poderá, Infelizmente, usar nossas fotos, uma vez que nós não temos copyright delas, mas temos o direito de usá-las em nossa website