A website número 1 no mundo em audição e perda auditiva
Desde 1999

03 de outubro de 2016

Trabalho, estilo de vida e lazer podem afetar sua audição

Seu trabalho, estilo de vida e atividades de lazer podem afetar sua audição. Algumas profissões aumentam o risco de se contrair perda auditiva cinco vezes mais. Até mesmo o feto pode ter um elevado risco de perda auditiva devido a ruídos no trabalho da mãe.

Trabalho pode prejudicar sua audição

Trabalhos expostos a atividades ruidosas têm até cinco vezes risco mais elevado de perda auditiva e tinnitus. Há muitas profissões que colocam o trabalhador em sérios riscos de perda auditiva induzida por ruídos. Trabalhar em aeroporto, no controle em terra, feito pelo pessoal de terra é realmente a pior atividade para a audição, uma vez que o ruído da aterrisagem e decolagem podem ser calculados em até 140 dB (decibéis). Trabalhos realizados em minas, construção e carpintaria podem colocar o trabalhador também em risco altamente sério de perda auditiva induzida por ruído, semelhantemente ruídos produzidos por máquinas pesadas ou ferramentas elétricas.

Estilo de vida e problemas auditivos

A obesidade em adultos pode levar a efeitos negativos, na função auditiva, e especialmente na capacidade de ouvir frequências altas. Muitos outros fatores de estilo de vida, como tabagismo e alcoolismo podem impactar no risco de perda auditiva. Um estudo revela que fumantes têm 15% um risco maior de ter perda auditiva que não fumantes. Outros estudos mostraram que o consumo alto de álcool, durante um longo período de tempo, pode resultar em prejuízos no córtex central do cérebro e isso pode fazer com que o cérebro seja incapaz de processar sons,e por fim ocasionar perda auditiva.

Atividades de entretenimento põe sua audição em risco

Não é só o trabalho ou estilo de vida que coloca você em risco de ter problemas auditivos, suas atividades de entretenimento podem também aumentar o risco de prejuízo à audição, como por exemplo o som de treino, em fitness, que frequentemente atinge níveis perigosos de ruídos em qualquer ambiente, chegando a cifra de 100 a 115 dB em aulas de spinning. Tais ruídos são considerados os maiores agressores. Pessoas que com frequência participam em atividades com níveis de ruído acima de 90 dB contam com um risco alto de 10% de sofrer perda auditiva, segundo pontua o estudo. 

Exposição a ruídos durante a gravidez

Mesmo antes do nascimento da criança, há um grande risco do feto contrair problemas auditivos devido a exposição a ruídos. Um estudo sueco mostrou que exposição a ruídos durante a gravidez pode prejudicar a audição do feto, chegando até 80% de aumento de risco em ambientes de atividades profissionais.  

 

Por favor use nossos artigos

Você será sempre bem vindo para indicar ou usar nossos artigos. A única restrição é que você forneça um link direto para o artigo específico que usar na página que nos citou/indicou.

Você não poderá, Infelizmente, usar nossas fotos, uma vez que nós não temos copyright delas, mas temos o direito de usá-las em nossa website