15 Setembro 2021

Deficiência auditiva aumenta a desigualdade econômica

Um estudo mostrou que a diferença em níveis de renda entre pessoas com deficiência auditiva e pessoas com audição normal aumenta com o passar do tempo.
Deficiência auditiva aumenta a desigualdade econômica

O crescimento de renda é relativamente menor, com o passar do tempo, entre pessoas com deficiência auditiva do que com pessoas com audição normal, sugere estudo coreano. Desse modo, a diferença em níveis de renda aumenta, com o passar o tempo, entre pessoas com deficiência auditiva comparado à população com audição normal.

Níveis de renda aumenta com o passar do tempo

Tanto o grupo com deficiência auditiva como o grupo de comparação mostraram aumento de níveis de renda com o passar do tempo. No grupo com deficiência auditiva, os níveis de renda eram mais elevados após 4 e 5 anos do que o nível de renda inicial, no entanto, entre o grupo de comparação sem deficiência auditiva os níveis de renda de todos os participantes após 1 a 5 anos eram mais elevados do que o nível de renda inicial.

Sobre o estudo

No estudo, as mudanças em níveis de renda dos participantes com deficiência auditiva e dos participantes equiparados foram acompanhadas anualmente.

Será que você passa em nosso teste auditivo?
Tente fazer nosso teste auditivo >
Será que você passa em nosso teste auditivo?
Tente fazer nosso teste auditivo >
Ouça a perda auditiva
Ouça a perda auditiva

No estudo, os participantes coreanos com 40 anos de idade, e acima disso, foram selecionados da Korean National Health Insurance Service-Health Screening Cohort data, de 2002 a 2015. No total, 5.857 mil pessoas com deficiência auditiva foram equiparadas com 23.428 mil pessoas com audição normal. A diferença do nível de renda inicial e do nível de renda após 1,2,3,4,e 5 anos foi comparada entre os dois grupos.

Fontes: pubmed.ncbi.nlm.nih.gov e the journal Clinical and Experimental Otorhinolaryngology

Receba nossas notícias sobre audição

Se você deseja receber notícias nossas sobre audição e outros assuntos relacionados à audição, é só se inscrever no nosso boletim informativo.
Receba notícias atualizadas da Hear-it.