31 Março 2015

Perda auditiva um assunto global crescente

Pesquisas recentes do muno inteiro demonstram que perda auditiva é um problema crescente.

Independentemente de onde você nasceu, se na Suécia ou em Singapura, perda auditiva é um assunto global e novos estudos revelam que o problema está aumentando.

Problemas auditivos têm sido ignorados

Em 2031, aproximadamente 20% da população do Reino Unido terá problema auditivo, segundo a conclusão de uma pesquisa da comissão de perda auditiva Commission on Hearing Loss. Atualmente, estima-se que 10 milhões de pessoas do Reino Unido têm experimentado perda auditiva. E a expectativa da comissão é que esse número aumente para14,1 milhões de pessoas em 2031.

A pesquisa salienta que há muito tempo perda auditiva tem sido ignorada no Reino Unido. 

Será que você passa em nosso teste auditivo?
Tente fazer nosso teste auditivo >
Será que você passa em nosso teste auditivo?
Tente fazer nosso teste auditivo >
Ouça a perda auditiva
Ouça a perda auditiva

Perda auditiva em grande número

Um relatório de uma organização sueca para pessoas com deficiência auditiva, HRF, concluiu que a proporção de pessoas com perda auditiva tem aumentado de 50% nos últimos 25 anos e que 10 % dos suecos com perda auditiva consideram sua própria saúde como precária ou muito precária.

Comparado com a população, em geral, o número de suecos com problemas auditivos que se aposentam antecipadamente é duplicado.  

O relatório também declara que as consequências de se ter perda auditiva pode piorar as condições de saúde, em geral, e que ¼ de um milhão de suecos, 455 mil, que têm problema auditivo usam aparelho auditivo. Apesar desse número ser bem mais elevado do que antes, 2/3 dos suecos com deficiência auditiva ainda não usam aparelho auditivo.

Direção e surdez

Uma pesquisa realizada  por um órgão de prevenção ao jovem, pela REACTION Youth for the Prevention revelou que 20,6% da população de Chipre apresentam sianais de perda auditiva. As estatísticas predizem que em 2015,  no mínimo, 128 mil de 785 mil chipriotas sofrerão de perda auditiva.

A pesquisa mostrou também que entre os motoristas chipriotas, 14,7% no mínimo sofrem de perda auditiva. A capacidade de ouvir um perigo, em potencial, é cruciante enquanto se está trafegando. 

Mais pessoas com tinnitus

14% da população brasileira tem problemas auditivos, o que corresponde a 28 milhões de pessoas e conforme pesquisas brasileiras, problemas auditivos como tinnitus e surdez irá aumentar no futuro. Estudos apontam que 9,8 milhões sofrem diretamente de perda auditiva. Muitas pessoas desenvolvem  permanents problemas auditivos porcausa de maus hábitos, acidentes e enfermidades.

De 30 a 35% de todos os problemas auditivos no Brasil são atribuídos à exposição a sons altos, como por exemplo no ambiente de trabalho ou durante o tempo de lazer.

Fone de ouvido prejudica a saúde

Um estudo realizado pela Temasek Polytechnic in Singapore concluiu que mais de 16% da população jovem de Singapura está correndo o risco de desenvolver perda auditiva induzida por ruídos devido aos hábitos musicais. O estudo mostrou que a razão principal desse problema é o uso de fone de ouvido pelos jovens.

Com base no estudo, os pesquisadores salientam a necessidade de um programa efetivo de prevenção a ruídos entre os jovens da Singapura.

 

Leia mais:

Receba nossas notícias sobre audição

Se você deseja receber notícias nossas sobre audição e outros assuntos relacionados à audição, é só se inscrever no nosso boletim informativo.
Receba notícias atualizadas da Hear-it.