A website número 1 no mundo em audição e perda auditiva
Desde 1999

02 de abril de 2019

Relatório: 22,6 milhões de pessoas na União Europeia vivem com deficiência auditiva não tratada

Um relatório revelou que há 34,4 milhões de pessoas, na União Europeia, com deficiência auditiva de 35 decibéis (dB), ou acima disso. Mais de 22,6 milhões de pessoas não têm se submetido a um tratamento auditivo, e apenas cerca de uma entre três pessoas, na Europa, com dificuldade auditiva usa aparelho auditivo, ou lança mão de outra alternativa.

O relatório “Hearing Loss – Numbers and Costs” (Deficiência Auditiva - Números e Custos) é um meta-estudo que tem analisado e comparado centenas de estudos científicos - nos últimos vinte anos - sobre a importância e consequências de deficiência auditiva, como também o uso e benefícios de aparelho auditivo.

O relatório foi elaborado pela Hear-it AISBL através da Professora Emérita Bridget Shield, e contou com o apoio do Professor Mark Atherton, ambos da Brunel University, em Londres.

Custos e consequências

O relatório concluiu que deficiência auditiva não tratada custa 185 bilhões de euros, anualmente, para a União Europeia (UE). A perda de produtividade para a sociedade, devido ao alto índice de desemprego, entre pessoas com deficiência auditiva, custa 55 bilhões de euros, anualmente, na União Europeia (UE).

É evidente que pessoas com deficiência auditiva são menos remuneradas do que pessoas com audição normal. E pessoas com deficiência auditiva enfrentam  taxa de desemprego mais elevada do que pessoas sem deficiência auditiva.

Deficiência auditiva não tratada tem uma séria de consequências negativas, tanto no físico, na  menta como social. Deficiência auditiva não tratada pode levar à depressão, solidão e isolamento social. Deficiência auditiva não tratada exerce vários efeitos nas relações pessoais e familiares.

Aparelhos auditivos

O relatório revelou que 35% das pessoas com deficiência auditiva usam aparelho auditivo. O uso de aparelho auditivo aumenta com a idade e seriedade da deficiência auditiva. Contudo, 65% dos europeus, com deficiência auditiva, não usam aparelho auditivo. Os usuários de aparelho auditivo informaram ter uma  qualidade de vida melhor, e que aparelho auditivo tem um impacto positivo nas relações familiares.  

O relatório “Hearing Loss – Numbers and Costs”

Por favor use nossos artigos

Você será sempre bem vindo para indicar ou usar nossos artigos. A única restrição é que você forneça um link direto para o artigo específico que usar na página que nos citou/indicou.

Você não poderá, Infelizmente, usar nossas fotos, uma vez que nós não temos copyright delas, mas temos o direito de usá-las em nossa website