23 Março 2020

Vírus COVID-19 e deficiência auditiva

O mundo inteiro está sob o domínio do vírus COVID-19. Para pessoas com deficiência auditiva o vírus COVID-19 representa desafios específicos.

Audição e comunicação são de suma importância em momento de emergência, como o período que experimentamos agora, a nível global, com a pandemia COVID-19.

As pessoas precisam ter acesso a notícias na televisão e internete, nesse momento em que as pessoas estão, praticamente, isoladas socialmente. Elas precisam estar aptas a comunicarem-se virtualmente, através de telefone e de plataformas virtuais com seus entes queridos. A audição tem um papel importante nesses vários meios de comunicação, sendo assim, é importante para as pessoas com deficiência auditiva lançarem mão de seus instrumentos auditivos.

Conserve seus intrumentos auditivos limpos

Usuários de intrumentos auditivos devem lavar sempre seus instrumentos auditivos, em casa, antes de tocá-los. Certifique-se de que seus instrumentos auditivos estão sempre limpos e desinfetados após substituir a bateria, quando tirá-los para dormer, ou noutras ocasiões quando não estiverem usando-os.

Diretrizes voltadas para cuidados profissionais auditivos

A visita a um fonoaudiólogo deve acontecer com o máximo de segurança possível.

Profissionais de instrumentos auditivos, no mundo inteiro, têm adotado diretrizes e recomendações para profissionais de cuidados auditivos. O objetivo das diretrizes e recomendações é para que estes profissionais estejam aptos a continuar oferecendo cuidados voltados para saúde auditiva vital, e ao mesmo tempo evitar que o vírus COVID-19 se espalhe.

As diretrizes e recomendações foram elaboradas pela Associação Europeia de Profissionais de Audição, em inglês, The European Association of Hearing Professionals AEA, www.aea-audio.org, e pela Academia  Americana de Audiologia, The American Academy of Audiology (www.audiology.org. O acesso direto as diretrizes da The European Association of Hearing Professionals AEA encontra-se aqui (em inglês).

As recomendações da Academia  Americana de Audiologia, The American Academy of Audiology, podem ser encontradas aqui (link direto) (em inglês).

Diretrizes da OMS, em inglês, WHO

Além disso, pessoas com deficiência auditiva devem observar as diretrizes gerais do COVID-19 elaboradas pela Organização Mundial da Saúde, OMS (WHO, em inglês). A organização Mundial da Saúde tem feito algumas recomendações básicas  ao públicoe ao criar medidas preventivas contra o vírus COVID-19.

As recomendações principais são:

  • Lave suas mãos com frequência
  • Mantenha distância social
  • Evite o contato com os olhos e boca
  • Se tiver febre, tosse e dificuldade para respirar , procure imediatamente ajuda médica
  • Mantenha-se informado e siga as recomendações médicas

O texto completo sobre recomendações da OMS (WHO) pode ser encontrado aqui. (em inglês).