Vivendo com implantes auditivos

Você passa a ouvir melhor com implantes auditivos. Os implantes auditivos te ajudarão em muitos aspectos de sua vida.

Os implantes auditivos permitirão que você ouça melhor, escute música e reaja a sons como, por exemplo: o som do telefone, a campainha de porta, ou uma buzina de carro. Você estará mais atento à muitos sons ao seu redor.
Contudo, o mais importante é que os implantes auditivos podem te ajudar a comunicar-se melhor com sua família, amigos e colegas, como também, tornar sua participação mais fácil em atividades e encontros sociais.

Os usuários de implante auditivo irão, em geral, experimentar:

  • Melhor compreensão da fala
  • Melhor capacidade de participar ativamente de conversas
  • Melhor capacidade de usar o telefone
  • Melhor capacidade para assistir televisão

Saúde mental e cognitiva

Muitas pessoas com implantes auditivos afirmaram ter uma saúde mental melhor. Deficiência auditiva não tratada pode resultar em declínio cognitivo, depressão e até mesmo demência. Assim como o Aparelho de Amplificação Sonora Individual (AASI), os implantes auditivos podem te ajudar a reduzir, ou até mesmo parar com declínio cognitivo.

Algumas poucas precauções

Ter um implante auditivo significa também que a pessoa precisa cuidar dele. Durante atividades esportivas e jogos é importante proteger seu implante coclear, inluindo o processador de áudio no sentido de que este esteja bem adaptado à cabeça com o uso de capacete. No caso de alguns implantes, é necessário retirar o processador de áudio. Ao tomar banho, nadar ou fazer outras atividades aquáticas, é importante usar uma capa à prova d´água, ou na falta dela, evitar usar o processador de áudio nessas ocasiões, uma vez que ele não é impermeável.

Para alguns dos dispositivos implantáveis de condução óssea (não ativos e percutâneos) é necessário higienizar a parte de comunicação entre o componente interno (implante) e o componente externo (processador de audio), cuidadosamente, todo dia. Para implantes de condução óssea ativos e transcutâneos, não é necessário, uma vez que após a cirurgia a pele fica totalmente intacta.

Saiba mais:
Receba notícias atualizadas da Hear-it.